Ciência Cidadã

O que é Ciência Cidadã ?

Foto: Marina Rehder‎/ Onde estão as Baleias e Golfinhos?

A ciência cidadã é baseada na parceria entre cientistas e cidadãos que, trabalhando juntos, conseguem otimizar a produção científica. Um modelo bastante comum envolve a parceria de milhares de voluntários na coleta de dados ou informações que serão posteriormente analisados por um cientista. Os participantes voluntários tem, como recompensa, uma compreensão mais aprofundada do tema para o qual se voluntariaram, além de um entendimento melhor sobre o processo científico e a geração de conhecimento. Já o cientista tem a possibilidade de obter uma quantidade muito maior de dados e informações para serem usados na pesquisa.

Em relação à biodiversidade, tem sido bastante comum o registro de espécies - como aves, borboletas ou plantas - por cientistas cidadãos. Os observadores de aves, ao publicarem as fotografias com a data e o local do registro, disponibilizam uma enorme quantidade de dados que muitas vezes não seriam possíveis de serem obtidos durante o período de uma pesquisa acadêmica. De posse desses registros, pesquisadores conseguem, por exemplo, estimar o tamanho populacional e calcular a área de ocorrência da espécie e, até mesmo, descreverem novas espécies.

A ciência cidadã também é uma importante aliada da conservação, pois além de gerar milhares de dados e informações, a produção de conhecimento com envolvimento social tende a ampliar a rede de pessoas comprometidas com a sustentabilidade ambiental.

Um aspecto importante é a relação da ciência cidadã com a ciência aberta, uma vez que os dados coletados pelos cientistas cidadãos são, na maioria das vezes, de livre acesso, o que possibilita a sua reutilização por mais de um projeto de pesquisa.